quinta-feira, 15 de Maio de 2008

Que Quantidade de Tecido Comprar?

rolo_tecido

A Flor de Cerejeira colocou-me uma questão muito pertinente:

"Que quantidade de tecido devemos comprar?"

Eu nunca me tinha debruçado sobre este tema, talvez porque sempre tive habituada desde pequena a ir às lojas de tecidos e ouvir a minha mãe a dizer quantos metros queria com base nas medidas previamente tiradas ou não havendo modelo definido (mas convém saber se é para saia, calça ou casaco) com base nas «alturas» (ver quadro das medidas altura [AE]).

 

Factores a ter em consideração no cálculo dos metros de tecido a comprar

A quantidade de tecido a comprar depende de:

do modelo escolhido;

do físico de cada pessoa (mais magrinha ou mais cheinha);

da largura da peça.


(Mas depois existem outros factores, tais como a elasticidade, padrão/riscas e o sentido destas no tecido (no sentido da largura ou comprimento da peça de tecido)

 

O modelo escolhido é determinante na quantidade de tecido a comprar, já que modelos com pregas/machos, folhos, em viés, traçados, com mangas largas etc., levam muito mais tecido.

Depois está claro que a fisionomia conta, uma pessoa que vista, por exemplo o 44, precisará de mais tecido do que uma pessoa que vista o 36, para confeccionar o mesmo modelo.

A largura da peça de tecido é muito importante! Geralmente da largura de tecido fazemos a largura do modelo (tratando-se de um modelo justo, sem pregas nem folhos e claro depende também do factor anterior), portanto só compraremos as alturas.

No caso de a largura da peça de tecido não dar para a largura total do modelo, teremos que pensar se:

- da largura da peça posso fazer a altura total do modelo pretendido?

Se sim, compramos a largura total do modelo pretendido (frente+costas*);

Caso contrário, temos de comprar duas alturas (uma para a parte da frente e outra para as costas).

 

É mais fácil entender com imagens, não é?

Então segue o exemplo prático seguinte, tendo como base o modelo da Burda 8511:

000001332607000001332607 copy

Vamos então calcular a altura total do vestido (em cm):

Altura total 110cm + barra 7cm + bainha 6cm = 125cm = 1,25m

(as alturas são medidas hipotéticas, mais ou menos a olho e eventualmente a barra é dupla)

Numa peça de tecido com largura de 1,40-1.80m, bastaria comprar 1,25m para este modelo (e ainda sobraria tecido das larguras e dependendo do modelo, tiraríamos as vistas do decote desses bocados).

Numa peça de tecido com largura de 0,90m já não conseguiríamos fazer a largura total do modelo (só tamanhos pequenos), então teríamos de comprar 2 x 1,25 = 2,50cm (até poderá não ser necessário tanto, porque as barras poderiam ser tiradas das sobras).

Só para confirmar, vamos ver o quadro dos metros necessários que a Burda apresenta para este modelo:

000001332607_fabric

Portanto, a medida determinada está dentro das previstas neste quadro.

 

Mas geralmente e para modelos de corte simples, seguem-se os seguintes exemplos com fotos tiradas do site da Burda Fashion tendo em conta que o tecido é largo (para tecidos estreitos ex.: 0,90cm) multiplicar por 2 as alturas:

 

Quadro resumo dos metros necessários

Saia
 
000001490433 1 altura*


Vestido 000001634723 1 altura*

Medidas adicionais:
1 altura de manga (no caso de pessoas que vistam um número grande)

Casaco / Blaser

000001157536 1 altura + 1 altura de manga*

(o mesmo é válido para casacos compridos)
Calças / Corsários 000001255990 1 altura*

Alturas adicionais:
virola das calças

* acrescentar medidas das costuras e bainhas

 

Mas já sabem, depende muito dos factores que referi! Mas em caso de dúvida, peçam ajuda às colaboradoras das lojas de tecidos e se possível levem o desenho do modelo e claro, uma fita métrica!

Ahhh! E pelo sim pelo o não...uns centímetros adicionais não farão mal nenhum! Até podem dar para outras ideias!

 

Espero que possa ser útil este post!

Até breve!

7 comentários:

Flor de cerejeira disse...

Olá! muito obrigada!!

agora estou mesmo pronta para me aventurar em voos mais altos!!

Já fiz umas calças, mas sem bolsos... por isso quando não tiveres ideias para outros posts podes sempre fazer sobre bolsos :)

Beijinhos

Sismada disse...

Olá,
sim não tirei quase nenhuma foto só das minhas primitas... mas em resumo as que tinha deixado mostram e bem a paisagem real de lá...
Acredita que trabalhar com trapos ;)
e chegar a casa e continuar nem sempre apeteçe.
Obrigada pelo o teu comentário.

Há e teu blog está a ficar muito bem continua!

Um beijo

paco peralta disse...

pues sí Ana, es muy util este post, sobre todo a la hora de comprar el tejido y no andar con problemas de falta de tela. Yo mismo, me complico mucho pensando siempre si tendré suficiente tejido, pero hay modelos, sobre todo los cortes al bies o asimétricos que nos complican estos cálculos. Gracias por toda la información. Un fuerte abrazo y hasta pronto. Paco

Tany disse...

Excelente post e de extrema utilidade! Com a experiência desenvolve-se quase um instinto para comprar a quantidade certa, mas mesmo assim por vezes enganamo-nos. Por exemplo no meu último vestido, esqueci-me que a saia tinha um trespasse (contar com 3 alturas da saia - prorque é bastante rodada - mais uma altura do corpo), mas penso que até correu bem e com o estampado do tecido até que ficou melhor a saia simples!

Beijinhos!

Geri disse...

Thanks for the post, Ana! I am always buying a lot of fabric with knowing only vaguely what I want. Sometimes I go back and buy more...
I am doing well, life is always better on holidays and I feel loaded with ideas now!
Best
Geri

Ronise disse...

amei esse post, super informativo.

Margarida disse...

Ana!
Para quem não tem experiência é sempre difícil saber comprar o tecido na medida certa.
Neste post, explicas muito bem como fazer.
Para peças basicas, comprar sempre na altura do tecido e nunca cortar a peça a atravessar , quer dizer; as ourelas do tecido devem estar sempre ao alto da peça.
bjs da guida
Ah! obrigada pelos teus comentários